Iate Golfe Clube (Iate Tênis Clube)

MARCÍLIO GAZZINELLI
MARCÍLIO GAZZINELLI

Concebido como equipamento público de lazer e esportes da população, o projeto arquitetônico incluía piscinas, quadras esportivas e o acesso à lagoa para realização de atividades náuticas como o remo e a vela.

O clube faz parte do plano geral da Pampulha. Tal edificação se harmoniza plasticamente debruçando-se sobre a represa. Com suas linhas arquitetônicas modernas o Iate, inaugurado em 1943, introduziu no Brasil telhado com inclinação em “V”, popularmente chamado telhado “borboleta”. Tendo as águas do telhado invertidas, ao contrário do que mandava a tradição, dava a impressão de um barco atracado às margens da represa. Imprimindo ritmo às fachadas, a utilização dos brises metálicos tem caráter funcional, o de proteção à incidência solar no interior do salão através das paredes envidraçadas.

Privatizado na década de 1960, manteve o uso como clube de lazer e de práticas esportivas. Em sua arquitetura destacam-se o telhado em forma de asa de borboleta e as obras de artes integradas de autoria de Cândido Portinari e Roberto Burle Marx, como os painéis pintados no interior do salão de festas, bem como os azulejos que, também presentes nos outros equipamentos, são elementos que conferem identidade ao Conjunto.

Espaços - Conjunto Moderno da Pampulha

MARCÍLIO GAZZINELLI

Museu de Arte da Pampulha

Casa do Baile 

MARCÍLIO GAZZINELLI

Casa Kubitschek

RAFAEL TEIXEIRA
DIVULGAÇÃO

Praça Dino Barbieri

Praça Dalva Simão

DIVULGAÇÃO